terça-feira, 21 de junho de 2011

Beleza em sucessão







Saindo da região dos glaciares, seguimos nossa viagem pela costa oeste da Nova Zelândia, na direção de Queenstown.

Foi uma tarde absolutamente cheia de beleza. Como já comentei no meu outro blog, foi uma tarde de “overdose” de beleza.






Diante de uma paisagem fantástica, eu achava que aquela beleza seria insuperável. Que nada! Logo adiante outras tão lindas, ou mais ainda, como essas de "Knigts Point".







Lagos e lagoas com cor maravilhosa. Cadeias e serras com muita vegetação. Muitos parques nacionais, vários lugares para piqueniques, com estrutura básica de mesas, e cadeiras de pedra, e banheiros. Tudo muito limpo e conservado.




Pico com resto de neve. No inverno, rigoroso, as montanhas ficam cobertas de neve. Com o degelo, formam-se rios com essa cor maravilhosa.



Na sequência outras cenas da costa oeste.









Nas estradas, que não têm qualquer publicidade, sempre há, por meio de placas pequenas, indicações dos mirantes e dos lugares com vista bonita.



Praticamente não havia movimento nas estradas. Nos parques era comum encontrarmos alguns carros estacionados e "motor-homes".

Já no final da tarde, paramos em “Lake Havea”, um fantástico lago espelhado. Pena que, por um problema na máquina, não conseguimos fotos boas.



Já era o início da noite quando seguimos até Wanaka, para hospedagem no “Alpine Motel” onde, depois de um tempo sem telefone, ou internet, pudemos nos conectar com o resto do mundo.



A hospedagem foi muito boa e, logo cedo (o checkout é às 10,00h) saímos para mais um dia de aventura em torno da beleza da Nova Zelândia.



2 comentários:

✿ chica disse...

É overdose de beleza mesmo!

Lindíssimas fotos e quantas coisas lindas para lembrar,não?

beijos,tudo de bom,chica

Cláudia M. disse...

A Nova Zelândia é um país que me fascina imenso, acho que já tive oportunidade de lhe dizer. Essas paisagens são de encher a alma!
E veja só, fiquei a apreciar ainda mais, gostei de saber que não se vê publicidade nas estradas. Aqui é uma praga, aqueles painéis enormes e horrorosos, pura poluição visual! Aí está outra característica deles que me fascina, são tão civilizados! :)
bjs